Parque Tecnológico realiza debate sobre o futuro do Rio

Parque Tecnológico realiza debate sobre o futuro do Rio

06/06/2016

debate_siteO Parque Tecnológico da UFRJ realizou nesta segunda-feira, 6 de junho, o debate “O Futuro do Rio: Economia e os múltiplos aspectos do Desenvolvimentos”. O evento contou com a presença de Luciana de Sá, diretora de Desenvolvimento Econômico e Associativo da Firjan, Valéria Pero, professora do Instituto de Economia da UFRJ, e Jean Caris, subsecretário de Planejamento e Modernização da Gestão da Prefeitura do Rio de Janeiro.

Luciana Sá falou sobre estratégias de estímulo ao desenvolvimento econômico, entre elas, a diminuição da burocracia nos negócios e a simplificação de processos como abertura, fechamento e regularização de empresas, e obtenção de licenciamento ambiental. Ela também sublinhou a necessidade de assegurar a transparência e a independência das agências reguladoras dos setores.

A partir de dados coletados em suas pesquisas, a professora Valéria Pero abordou o tema da desigualdade na cidade e na região metropolitana do Rio. Além de mostrar informações sobre a questão da desigualdade de renda, ela também falou sobre a má distribuição geográfica da oferta de trabalho, que, aliada à má qualidade do transporte público, impacta a qualidade de vida das pessoas. Segundo a pesquisadora, a desigualdade vem caindo nos últimos anos, porém de forma cada vez mais devagar em comparação com o restante do país.

O subsecretário Jean Caris, apresentou o planejamento estratégico de curto prazo do Rio, de 2017 a 2020, e falou sobre a visão da Prefeitura para a cidade para os próximos 50 anos, o projeto Visão Rio 500. Ele falou sobre o desafio de desenvolver um trabalho que tenha continuidade independentemente das mudanças políticas e falou um pouco sobre cada um dos temas nos quais foram divididas as 59 iniciativas estabelecidas para o alcance das 68 metas de desenvolvimento da cidade. “Cidade Verde, Sustentável e Resiliente” e “Cidade Competitiva, Inovadora e de Oportunidades” são alguns desses eixos temáticos. Ao final das apresentações, os três debatedores responderam a perguntas do público do evento, composto por membros da comunidade acadêmica da UFRJ, representantes de empresas do Parque Tecnológico e representantes de instituições parceiras.