Parque apoia concurso pela sustentabilidade na UFRJ

Parque apoia concurso pela sustentabilidade na UFRJ

06/06/2014
Nesta quinta-feira (5), foi lançado o concurso “Soluções Sustentáveis”, promovido pelo Fundo Verde da UFRJ. O lançamento aconteceu no auditório do Parque Tecnológico da UFRJ. A competição vai selecionar o melhor projeto sustentável de baixo custo e inovador para a Cidade Universitária em três categorias: “Uso sustentável e eficiente da água”, “Eficiência energética” e “Mobilidade urbana sustentável”. O valor para implementação de cada projeto não poderá ultrapassar o limite de R$ 500 mil. O concurso é aberto para estudantes (de graduação e pós-graduação), técnicos, funcionários e pesquisadores da comunidade científica da UFRJ. Os participantes poderão inscrever um projeto em cada categoria. As inscrições vão até o dia 5 de setembro por meio do site do Fundo Verde. O Parque vai premiar as melhores propostas em cada categoria com tablets para os vencedores. Os três projetos selecionados serão implementados na Cidade Universitária da UFRJ. Um dos critérios de seleção é o alinhamento com as diretrizes do Plano Diretor da universidade. Outras informações podem ser encontradas no edital do concurso. No lançamento, estavam presentes a gerente de articulações do Parque, Denise Medina, a coordenadora do Fundo Verde, Suzana Kahn, a chefe do Gabinete da Reitoria da UFRJ, Angela Uller, e o diretor-geral e o diretor de Tecnologia e Inovação da COPPE/UFRJ, respectivamente Luiz Pinguelli e Romildo Toledo. Também compareceu o representante da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços do Rio de Janeiro, Luiz Antônio Almeida. “É importante que o Parque se envolva no concurso, estamos falando de inovação e tecnologia e não podemos deixar de ter um olhar para a sustentabilidade. A inovação também existe para vivermos melhor e investir de verdade em nosso planeta”, afirmou Denise Medina. Em seu discurso, Suzana Kahn ressaltou um dos objetivos do concurso. “O projeto que estamos lançando visa também provocar um envolvimento maior da comunidade da UFRJ”. A coordenadora do Fundo Verde lembrou de outras iniciativas sustentáveis para a Cidade Universitária que estão em andamento, como o estacionamento solar, já licitado, que promete proteger os veículos do sol ao mesmo tempo que fornece energia limpa para a universidade. Kahn também falou que está em fase de aprovação o projeto de um ônibus zero emissão de CO² no trajeto Fundão-Praia Vermelha. Durante o evento, a COPPE assinou acordos com a Nissan, com a Agência Alemã de Cooperação  (GIZ) e a organização não governamental Conservação Internacional.  Com a empresa de automóveis, a cooperação está associada à mobilidade e veículos elétricos, com a GIZ, a programas de eficiência energética, e com a Conservação Internacional, à cobertura vegetal da Ilha do Fundão pela melhorar o microclima do local. A Nissan, dentro da parceria com a COPPE, cedeu um veículo 100% elétrico para ações do Fundo Verde.