Manserv é a mais nova empresa do Parque Tecnológico da UFRJ

Manserv é a mais nova empresa do Parque Tecnológico da UFRJ

01/07/2016
Líder em serviços de manutenção, facilities e logística, a Manserv é a mais nova empresa residente do Parque Tecnológico da UFRJ. A companhia passa a fazer parte do ambiente de inovação do Parque, que conta com centros de pesquisas de 13 grandes empresas, 8 pequenas e médias, além de 7 laboratórios e 26 startups residentes da Incubadora de Empresas da COPPE. Para Ricardo Moreira, diretor geral da empresa, a cooperação com a Universidade Federal do Rio de Janeiro permitirá o aprofundamento de estudos sobre o gerenciamento de facilities, as melhores práticas a nível mundial e a identificação de novas tecnologias. O Centro de Pesquisa e Desenvolvimento da Manserv será o berço criador de projetos inovadores nos diversos segmentos de atuação da empresa. “Cria-se a possibilidade concreta de desenvolvimento de tecnologia própria, principalmente no que se refere a prédios inteligentes, sistema de automação e controle, ações de sustentabilidade e redução de consumos de recursos naturais”, afirma o diretor. Fundada em 1985, a Manserv é uma empresa transnacional que atende a mais de 300 empresas nacionais e multinacionais de grande e médio porte, dos mais diferentes setores da economia. Atua no segmento de manutenção eletromecânica, lubrificação e paradas industriais, conservando instalações e equipamentos. É especializada também em serviços de manutenção predial, limpeza social e industrial, serviços de apoio, brigada, jardinagem e gerenciamento de facilities. E na área de logística, serviços de intralogística na planta do cliente, movimentação e armazenagem em CDs (Centro de Distribuições) e gestão de estoques. Sobre o Parque Tecnológico: O Parque Tecnológico da UFRJ foi inaugurado em 2003 e está situado no campus da UFRJ, na Ilha da Cidade Universitária. No local estão instalados centros de pesquisas de 13 grandes empresas, 8 pequenas e médias, além de 7 laboratórios e centros de pesquisa. No Parque, está instalada também a Incubadora de empresas da COPPE, que, atualmente, abriga 26 startups. Numa área de 350 mil metros quadrados estão presentes empresas como como Shlumberger, FMC Technologies, Tenaris Confab, Baker Hughes, Halliburton, EMC², BG Group, Siemens, Vallourec e BR Asfaltos. Neste ambiente de inovação, encontram-se ainda centros de pesquisas de outras duas companhias, GE e L’Oréal, localizadas na Ilha de Bom Jesus. Em 2015 o Parque inaugurou o primeiro programa de pós-incubação do Brasil. Destinado a empresas saídas de incubadoras de todo o país, o programa tem como objetivo dar apoio para estruturação e crescimento dessas empresas, além de ajudar na articulação dos negócios e no desenvolvimento da inovação. O Parque também conta com um espaço de coworking com 15 estações de trabalho. O Parque tem como missão criar um ambiente de cooperação entre a iniciativa empreendedora e a comunidade acadêmica, incentivar a criação de empresas inovadoras na cidade do Rio de Janeiro, estimular a visão empreendedora nos estudantes da UFRJ e atrair para a Ilha da Cidade Universitária novas atividades de pesquisa, desenvolvimento e produção de bens e serviços inovadores.