Incubadora de Empresas da Coppe inicia Programa de Mentoring 2018

Incubadora de Empresas da Coppe inicia Programa de Mentoring 2018

13/03/2018

A Incubadora de Empresas da Coppe/UFRJ e a Alumni Coppead deram início nesta terça-feira, 13 de março, à 4ª edição do Programa de Mentoring. A iniciativa tem como objetivo estimular o compartilhamento de conhecimentos entre profissionais experientes formados pelo Instituto Coppead de Administração/ UFRJ e as startups da Incubadora. Entre os 31 mentores participantes estão profissionais com passagem por empresas como Coca-Cola, Vale, Tim, Souza Cruz, Globo.com, Amil, Shell e BNDES, além professores e ex-professores da UFRJ.

O evento de abertura contou com apresentações de 2 minutos de cada um dos mentores, que abordaram brevemente sua experiência no mercado e as áreas em que podem oferecer apoio. Em seguida, as empresas fizeram um pequeno pitch e apresentaram seus desafios e expectativas para a mentoria. Alguns dos mentores, como Andrea Magessi, já participaram de edições anteriores. “Na primeira edição do programa, fui mentora de uma empresa chamada Forebrain, que já decolou. Foi a melhor experiência da minha vida, uma troca incrível, e chegamos a trabalhar juntos por dois anos.”

Os profissionais participantes vêm de setores variados que vão desde contabilidade, direito, engenharia, marketing até programação visual. Além disso, muitos também são ou foram empreendedores. Com a experiência adquirida em suas áreas de atuação, eles se colocaram à disposição para auxiliar as empresas em áreas como estudo de mercado, internacionalização, gestão de pessoas, projetos e processos, captação de recursos, planejamento estratégico, marketing e vendas, negociação de contratos, entre outras. Estão participando do Programa de Mentoring as startups residentes Atomum, GreenAnt, CUG, Mancha, Peça Preço, Toco, GT2 e as graduadas Aquafluxus, Twist, GPE e Promec.

Ao final do evento, Ângela Lins, diretora da Alumni Coppead, passou algumas diretrizes para ajudar mentores e mentorados a alinharem expectativas e estabeleceram a frequência e formato dos encontros. Ela também ressaltou a diferença entre consultoria e mentoria, estimulando os mentores a instigar os mentorados a buscar a superação dos seus desafios ao invés de oferecer uma solução pronta. A próxima etapa do mentoring, que será feita pela Incubadora, será formar os pares de mentor e startup de acordo com as preferências indicadas por cada um dos participantes.